<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Tecnologias Educacionais

O virtual está invadindo o dia a dia de toda a sociedade. Saiba quais os impactos das tendências tecnológicas no setor da educação.

 

Tecnologias educacionais

 

 

Vivemos em um mundo hiperconectado. A cada dia o virtual parece invadir o real e novas tecnologias surgem para facilitar o desenvolvimento das mais variadas tarefas da sociedade. Se antigamente tínhamos apenas o fluxo de mensagens de texto presente na Internet, atualmente vemos o crescente desenvolvimento de tecnologias que possibilitam o surgimento da Internet das Coisas.


Simplificando os conceitos, temos que Internet das Coisas nada mais é que uma extensão da Internet atual, que proporciona aos objetos do dia a dia (desde uma geladeira até um carro), a capacidade de conexão à Internet. A conexão com a rede mundial de computadores viabiliza objetos inteligentes
capazes de realizar diversas funções e facilitar a vida em sociedade. Estas novas habilidades, dos objetos comuns, desafiam padrões éticos, morais e jurídicos até então estabelecidos.

 

Com o passar do tempo, portanto, a ideia de tecnologia e inovação foi ganhando novos contornos e especificações, e envolve, atualmente, uma extensa rede de pesquisadores e projetos interdisciplinares.

 

A palavra inovação tem origem latina e deriva do termo innovatio, que remete a algo novo, recente. De acordo com o dicionário Michaelis, significa: “1. Ato ou efeito de inovar. 2. Tudo que é novidade; coisa nova; 3. Introdução de palavra, elemento ou construção nova em uma língua inexistente ou na línguamãe”.


Com a educação não é diferente. Uma das grandes qualidades da tecnologia educacional é a extensa possibilidade de explorar diferentes abordagens de estudo, como jeitos de aproximação entre professor e aluno e absorção de conteúdo.


Uma das principais tendências no desenvolvimento de tecnologias educacionais é a gamificação. Por meio do uso de jogos digitais, a gamificação tem por objetivo atrair os estudantes e engajar equipes em algum objetivo voltado ao aprendizado. Em linhas gerais, tais jogos apresentam alguma gratificação, pontuações e diferentes níveis de dificuldade que despertam a curiosidade e prendem a atenção dos alunos.

Além da gamificação no ensino, podem ser citados como bons exemplos de tecnologias educacionais:

(i) o uso de Chatbots para esclarecer dúvidas de alunos;

(ii) o armazenamento em nuvem de materiais didáticos;
(iii) o uso de realidade virtual e realidade aumentada em sala de aula;

(iv) o uso de dispositivos mobile como smartphones e tablets para o desenvolvimento de tecnologias educacionais.


Diante disso, fica claro que a aplicação de mecanismos, estruturas e dinâmicas online na educação, podem promover uma verdadeira inovação no ensino e possibilitar um maior desenvolvimento da criatividade dos alunos.

 

Treinamentos Westcon

 

Contudo, cabe observar que tais tecnologias podem coletar dados pessoais e sensíveis dos alunos e, por tal motivo, há que se ter um rigoroso plano de compliance digital para a curadoria de tais informações.


A esse respeito, a recém-sancionada Lei de Proteção de Dados Pessoais brasileira dispõe em capítulo específico a respeito do tratamento de dados pessoais de crianças e adolescentes e dispõe a respeito da necessidade de consentimento dos pais ou responsáveis para o tratamento dos dados pessoais dos menores, o que inclui as possíveis informações coletadas durante a realização de certas atividades escolares.


Sendo assim, cabe às escolas e universidades ficarem atentas às diversas opções disponíveis para o desenvolvimento de tais tecnologias, mas também devem observar as questões éticas e jurídicas, especialmente acerca de responsabilidade civil, segurança da informação, privacidade e proteção de dados durante a utilização de tais tecnologias.

 

Por Caio César de Oliveira
Advogado no escritório Opice Blum, Bruno, Abrusio e Vainzof Advogados. Mestrando em Direito Civil pela USP-SP.

Posts relacionados

5 principais investimentos em TI para fazer este ano

É um bom momento para buscar onde investir e apostar nas tendências.

Como a automação de TI pode ajudar no crescimento dos negócios?

Maior produtividade, redução de erros, melhorias contínuas. Estes são alguns dos benefícios de automatizar processos. Saiba como isso pode ajudar nas estratégias de sua empresa.

Tecnologia na educação: conexão e gestão na rotina escolar

Entenda como funciona os provedores de conexão e de aplicação na gestão e rotina escolar.

Escreva seu comentário