<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Por que uma estratégia de segurança moderna exige proteção de endpoint?

Os dados corporativos estão mais vulneráveis devido a evolução dos ciberataques. Garantir a proteção de endpoints tornou-se tarefa essencial dos gestores de TI.

 

Por que uma estratégia de segurança moderna exige proteção de endpoint?

 

Atualmente, definir em qual perímetro do ambiente corporativo devem ser implementadas soluções de segurança é uma tarefa difícil, devido a enorme quantidade de dispositivos móveis conectados e serviços disponíveis utilizados na nuvem. Por isso, os gestores de TI têm focado em garantir a proteção dos dados independente de onde estiverem, assim, o endpoint se torna um ponto de atenção que precisa ser protegido adequadamente.


Além disso, os endpoints tornaram-se o foco de criadores de malware e outros criminosos que tentam invadir as redes empresariais, seja por meio de e-mails com malwares, sites infectados, dispositivos móveis conectados às máquinas, entre outros.

Dessa forma, uma maneira eficiente de proteger os dados empresariais é garantir a segurança de endpoints, para reduzir a área de superfície de ataque. As chamadas soluções EDR (Endpoint Detection and Response), que são abordagens concentradas na detecção e respostas de endpoints, são utilizadas com o objetivo de detectar e barrar essas ameaças, que estão cada vez mais sofisticadas.

Para contar com a proteção das informações de forma eficaz, há três importantes etapas a serem seguidas na detecção e resposta das ameaças aos endpoints - automação, adaptabilidade e monitoramento constante:

A automação é um mecanismo importante, pois a variedade de ataques aumenta a cada dia, o que torna a ação manual uma tarefa difícil, assim, automatizando as ferramentas, quando um ataque é detectado, a solução de segurança ativa as ações que foram definidas pelo usuário para solucionar cada evento.

A adaptabilidade é realizada após a detecção do problema. A solução consegue apresentar uma resposta que seja compatível com o tipo de ataque.

O monitoramento constante permite determinar quais são os alertas necessários para impedir futuros ataques, mantendo os usuários informados de qualquer evento suspeito em tempo real.

Um endpoint inteligente é aquele altamente automatizado e capaz de detectar problemas de segurança de forma mais rápida, responder imediatamente e corrigir os problemas de forma completa. Quando desenvolvidos corretamente, os endpoints são capazes de oferecer informações úteis sobre os comportamentos das ameaças.

É cada vez mais raro uma violação ocorrer apenas dentro de um sistema ou aplicação devido a evolução dos ataques. Dessa forma, eles podem acontecer em mais de um endpoint por vez. Os hackers tentam acesso por meio de múltiplos pontos para que seja mais fácil conseguir alcançar dados importantes. Por isso, as soluções EDR devem ter uma base em arquitetura comum para integrar todos os métodos de proteção utilizados, como antivírus, firewalls, gateways e outros.

Assim, todos esses métodos conseguem compartilhar informações possibilitando que as respostas sejam dadas de forma mais rápida e automatizada. Além disso, soluções EDR devem possuir gerenciamento centralizado para melhorar a visibilidade e diminuir a complexidade, impedindo que uma solução se sobreponha a outra, conseguindo trabalhar em conjunto.

Sem uma segurança reforçada e eficiente, os profissionais de TI gastarão cada vez mais tempo e as empresas mais dinheiro para proteger os dados corporativos. Uma estratégia moderna e inteligente que assegure proteção ao endpoint é capaz de oferecer informações sobre o comportamento e a origem dos ataques, assim, os gestores de TI podem aproveitá-las para reforçar as políticas de segurança da empresa e alertar os usuários.

 

Baixar e-book gratuito

Posts relacionados

Como escolher uma solução de segurança de endpoint?

A primeira etapa na escolha da melhor solução de segurança de endpoint é entender o que sua empresa precisa.

Inteligência de ameaças cibernéticas: o que é e qual a importância para empresas?

A inteligência de ameaças cibernéticas ajuda as organizações, dando-lhes insights sobre os mecanismos e implicações das ameaças.

O que considerar na segurança do servidor de uma empresa?

Para manter a disponibilidade e proteção dos dados corporativos é necessário assegurar que toda a infraestrutura esteja protegida contra as ciberameaças.

Escreva seu comentário