<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL SYNNEX WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

O que é e como funciona o gerenciamento de TI híbrida?

A TI híbrida traz mais agilidade nos negócios, melhor atendimento ao cliente e desenvolvimento mais rápido de produtos.


A TI híbrida, em sua forma mais simples, é a combinação de plataformas de infraestrutura de TI - nuvens híbridas privadas / públicas herdadas no local - que uma empresa usa para satisfazer a carga de trabalho de aplicativos e as necessidades de dados.

Há benefícios reconhecíveis da TI híbrida, incluindo: maior agilidade nos negócios (46%), melhor atendimento ao cliente (41%) e desenvolvimento mais rápido de produtos (34%). No entanto, com a convergência de várias tecnologias e modelos de prestação de serviços, o gerenciamento de um modelo de TI híbrido tornou-se imensamente complexo. O que costumava estar em um datacenter agora abrange áreas geográficas, parceiros, nuvem híbrida e sistemas legados e aplicativos.

Ao mesmo tempo, essa definição se referia simplesmente à divisão de recursos tecnológicos fornecidos por uma organização de TI interna ou por um fornecedor externo. Mas a demanda por processos de negócios digitais e o crescimento da computação em nuvem expandiram sua definição e a complexidade.

Como resultado, também inclui nuvens híbridas, uma combinação de infraestruturas de nuvem pública e privada que são hospedadas e gerenciadas internamente, por um provedor de nuvem ou vários provedores.

Agora, a TI híbrida é a norma da empresa. De fato, o Gartner diz que uma grande mudança para os serviços de arquitetura híbrida está em andamento. Até 2020, 90% das organizações adotarão o gerenciamento desse tipo de infraestrutura.

Os usos e benefícios da nuvem híbrida

Aqui estão alguns cenários que mostram por que esse ambiente em nuvem específico deve ser sua melhor escolha:

Gerencie o fluxo de caixa minimizando os investimentos (CAPEX). Atualmente, muitas empresas estão sendo confrontadas com orçamentos de TI baixos ou em declínio no momento em que seus usuários de negócios exigem cada vez mais novos serviços.

Se você estiver com capacidade insuficiente para acomodar essas demandas em sua nuvem privada local, implemente uma estratégia de nuvem híbrida. Com isso, você pode alugar capacidade adicional, conforme necessário, de um provedor de nuvem pública, em vez de investir um capital precioso na expansão adicional de seu data center físico.

Mantenha seus dados e aplicativos mais confidenciais privados. A nuvem pública é atraente por causa de sua relação custo-benefício, mas muitas empresas não confiam nela para hospedar seus dados e aplicativos financeiros, de clientes ou de propriedade intelectual (IP) mais sensíveis.
Acomode cargas de trabalho dinâmicas ou altamente flutuantes. A nuvem híbrida elimina a necessidade de criar seu data center para acomodar o pico de demanda em sua nuvem privada (por exemplo, durante a temporada de festas).

É possível adicionar capacidade quando precisar através de um provedor de nuvem pública e, em seguida, diminuir a escala de acordo. Pegue seu sistema de entrada de pedidos de varejo, por exemplo. Você pode executar o aplicativo em sua nuvem privada, mas tirar proveito da nuvem pública quando houver demanda.

New call-to-action

Gerencie o influxo de Big Data. Pense em todos os negócios, clientes, vendas, finanças e outros dados que você acumula diariamente. As empresas estão começando a entender a riqueza de dados que possuem em tudo, desde e-mails entre funcionários a transações com clientes e visitas ao site, entre outros eventos de geração de dados.

O que você pode fazer com tudo isso, além de continuar desenvolvendo a capacidade da sua nuvem privada local? Sim, use a nuvem híbrida.

Aumente a equipe e os recursos de TI para acomodar o crescimento. Se sua empresa estiver crescendo rapidamente, talvez você não tenha a equipe de TI para dar suporte a todos os recursos necessários. Com a nuvem híbrida, você oferece uma ajuda de um terceiro especialista - seu provedor de nuvem pública - quando mais precisa.

Acelere a implantação de novos produtos e serviços. Um dos usos mais comuns da nuvem híbrida é manter o IP confidencial e de missão crítica na nuvem privada, mas depois "estourar" na nuvem pública quando a capacidade é necessária para atividades de teste ou desenvolvimento menos sensíveis.

Digamos que você esteja desenvolvendo um aplicativo para celular novinho em folha para dar à sua empresa uma vantagem competitiva. Você pode manter as principais atividades de pesquisa e desenvolvimento em sua nuvem privada e usá-la para testes e garantia de qualidade. Você pode até ter vários projetos em desenvolvimento ao mesmo tempo, pois a nuvem pública oferece recursos praticamente ilimitados.

Quais são os desafios?

Um cenário de TI tão amplo e diversificado pode apresentar desafios. Em um ambiente de negócios cada vez mais digital, onde a mudança é constante e a demanda para implantar novos aplicativos mais rapidamente é alta:

  • A tecnologia mais antiga pode ser difícil de dimensionar e lenta para mudar;
  • As pessoas implantam recursos na Nuvem sem que a organização de TI saiba (Shadow IT);
  • Várias infraestruturas de TI desconectadas causam processos de negócios quebrados, interrupções de serviço e atrasos;
  • Gerenciar e proteger uma combinação de infra-estruturas de TI pode ser caro e complicado, especialmente quando os dados podem residir em praticamente qualquer lugar.

Como os outros estão abordando a TI híbrida e a nuvem híbrida?

Para obter esses benefícios, as empresas estão implementando diferentes abordagens para gerenciar e alavancar uma infraestrutura de TI mista. Como parte dessa abordagem, eles são:

  • Balanceando estabilidade e mudança: Mudando para novos modelos de entrega de serviços de TI, mantendo ambientes que executam aplicativos e cargas de trabalho principais.
  • Quando e onde faz sentido, criar planos para migrar aplicativos de plataformas herdadas para plataformas mais escaláveis ​​e prontas para mudanças.
  • Governar a adoção da nuvem, atendendo às demandas dos usuários por serviços novos e mais competitivos, entregues mais rapidamente.
  • Implementar processos de gerenciamento de mudanças em todo o cenário de TI para diminuir a interrupção dos negócios e aumentar a confiabilidade do serviço, mesmo em meio a grandes mudanças.
  • No futuro, com a abordagem correta em prática, a TI híbrida pode ser a norma e um ativo para a empresa.


Posts relacionados

Como ter sucesso nas vendas de serviços gerenciados de TI?

É fundamental estar preparado para mostrar como esse tipo de serviço é capaz de atender as necessidades específicas do negócio de cada cliente.

Funil de vendas para revendas de TI: quais as vantagens dessa estratégia?

Desenvolver iniciativas para atrair e reter clientes é fundamental para se destacar no mercado tecnológico cada vez mais competitivo.

4 dicas para aumentar seu portfólio de serviço em TI

Estar atento às necessidades dos clientes é fundamental para ter sucesso nos negócios. Veja a seguir como sua revenda pode melhorar seus resultados!

Escreva seu comentário