<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL SYNNEX WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Home office: como o 5G pretende transformar o trabalho remoto?

  • Categoria:

    Redes

    | Tempo para ler: 4 min

5G pode otimizar os planos de continuidade de negócios remotamente com benefícios expressivos na infraestrutura de rede.

 

A pandemia do novo coronavírus (COVID-19) forçou a implementação do trabalho remoto para evitar a disseminação ainda mais perversa da doença no país. Assim, o home office foi adotado como uma alternativa de Plano de Continuidade de Negócios (PCN).

Sem previsão de retorno à “normalidade”, essa política de trabalho continua se popularizando e exigindo, cada vez mais, tecnologias de rede que otimizem o processo operacional à distância. O 5G é uma dessas soluções.

Além de permitir que grande parte das empresas se mantenham ativas durante a crise, a tecnologia ainda provará que o home office é uma solução permanente, independentemente da situação econômica.

Afinal, como o 5G pretende transformar o trabalho remoto? Acompanhe o post e entenda em detalhes.

Como o 5G pretende transformar o trabalho remoto?

O 5G traz vantagem gritantes para redes corporativas, isso porque a tecnologia permite que qualquer operação digital da empresa mova-se para fora dos limites do escritório, sem perder navegabilidade, velocidade e confiabilidade. É, justamente, o caso do home office. 

Confira a seguir, com o 5G pretende transformar o trabalho remoto.

1) Melhora na acessibilidade à rede

Quem trabalha remotamente sabe que o maior desafio é a conexão de rede. Por depender de uma banda larga doméstica, que não foi contratada para suportar operações de grande porte, a demanda pode ser maior do que a oferta.

Latência, baixa navegabilidade, instabilidade, dentre outros problemas podem prejudicar o trabalho, e o 5G oferece possibilidades que mudam esse cenário. Com ele, não haverá dependência de um ponto de acesso wi-fi; independentemente de estar em casa ou na rua, a rede de internet assegurará o tráfego de dados em alta velocidade.

Conheça o K•NOW!

2) Otimização das funcionalidades da rede

Como uma consequência óbvia da melhora na acessibilidade à rede, o 5G permite otimizar funcionalidades.

Atividades como a realidade virtual e aumentada e IA podem ser estruturadas em escritórios ou locais conectados, em qualquer lugar no mundo, facilitando a interatividade das equipes e modernizando os processos laborais. Em outras palavras, com o 5G, todo tipo de trabalho corporativo que exija a presença física de um funcionário poderá ser realizado virtualmente.

3) Aumento da produtividade

O 5G pretende transformar o trabalho remoto por meio da produtividade. A possibilidade de trabalhar de qualquer lugar, da forma que quiser, com a vestimenta que preferir, leva ao aumento de produtividade.

Além disso, a capacidade de rede do 5G é tão impressionante que o profissional em home office poderá permanecer conectado a diversas pessoas simultaneamente. Fazendo uma comparação simples com o 4G, em um espaço de 1 quilômetro quadrado, a rede suporta cerca de 2.000 equipamentos ativos. Já o 5G, até 100.000 dispositivos. Ou seja, ele tem capacidade 50 vezes maior.

Como a latência é praticamente nula no 5G, a transferência de dados e arquivos é feita de forma instantânea, assegurando um rendimento expressivo mesmo à distância.

4) Fatiamento de rede abrangente

O fatiamento de rede é um dos principais recursos da tecnologia 5G para o trabalho remoto, porque assegura uma conexão fluída e potente. 

A sua arquitetura de divisão de rede cria fatias para separar o tráfego de dados, impedindo que a rede profissional influencie a doméstica, e vice-versa. Desta forma, mesmo em home office, onde outras pessoas acessam serviços como streaming e jogos online, o volume de dados trabalhados no 5G não serão influenciado.

5) Recursos de computação móvel

Outro benefício do 5G para o trabalho remoto é a computação móvel. A tecnologia conta com recursos de primeira qualidade, que permitem mover aplicativos críticos, dados confidenciais, cargas de trabalho, dentre outros, para as bordas da rede.

Ou seja, as informações são localizadas próximas dos funcionários em home office, garantindo uma interação mais rápida e eficiente aos servidores laborais.

Essas cinco questões mostram como o 5G pretende transformar o trabalho remoto. Muito mais do que praticidade, a tecnologia estende qualidade, velocidade e inteligências às operações mais corriqueiras e essenciais do negócio.

Livre de cabos e fios, de fronteiras físicas e políticas limitadoras, o 5G prova que o futuro do trabalho é cada vez mais remoto. 

 

Posts relacionados

  • Redes | Tempo para ler: 4 min

SD-WAN gerenciada x como serviço: tudo que sua revenda de TI precisa saber

A escolha do modelo da SD-WAN pode ser decisiva para a eficiência do negócio, por isso estudar as opções é indispensável.

  • Redes | Tempo para ler: 5 min

6 recursos essenciais de SD-WAN que toda empresa deveria utilizar

SD-WAN é mais do que uma alternativa ao MPLS. Não conhecer seus recursos a fundo pode atrasar o desenvolvimento do seu cliente.

  • Redes | Tempo para ler: 3 min

Quais as vantagens e os desafios da SD-WAN para o trabalho remoto?

Para que os funcionários de sua empresa continuem executando suas tarefas mesmo em Home Office, é necessário oferecer um acesso remoto eficiente aos dados corporativos.

Escreva seu comentário