<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Estratégia de segurança em Nuvem: o que as empresas precisam saber para se proteger?

Como você pode ter certeza de que as informações armazenadas na Nuvem são seguras? Mesmo não havendo certeza, é possível tomar algumas precauções.

 

A Nuvem se tornou um lugar onde todos se encontram e trocam informações. Além disso, tornou-se um lugar onde os dados estão sendo mantidos permanentemente.

Documentos do banco, de trabalho e confidenciais encontram sua nova residência na nuvem. Mas, como ter certeza de que as informações estão seguras e protegidas?

A legislação de privacidade de dados prossegue em um ritmo que não consegue acompanhar a velocidade do progresso tecnológico. Basta observar como países ou regiões lidam com questões legais relacionadas à privacidade de dados na Nuvem.

Você dificilmente encontrará quaisquer regras ou leis universais que possam ser aplicáveis ​​a qualquer usuário e qualquer serviço de Nuvem, independentemente dos limites geográficos. A legislatura de hoje na área da privacidade da informação consiste em muitas declarações, propostas e roteiros, a maioria dos quais não são juridicamente vinculativos.

O desafio de segurança na Nuvem

Com mais dados sendo transferidos para a Nuvem, manter a integridade deles se torna imprescindível. A Nuvem é um alvo lucrativo para os hackers por causa do que está dentro, como propriedade intelectual, segredos comerciais e informações pessoais.

Por isso, reforçar a segurança para conter vazamentos é um desafio porque existe uma certa falta de preparação da perspectiva de segurança quando as empresas transferem alguns ou todos os seus processos para a Nuvem. Em muitos casos, a equipe de TI tem uma percepção de que não tem mais controle sobre seus dados e se esforça para implementar medidas corretivas.

Uma organização que planeja aproveitar recursos de TI e processamento baseados em Nuvem deve analisar e avaliar os riscos associados ao uso de tecnologias disruptivas, como a Computação em Nuvem.

Se uma organização que está planejando mudar para a Nuvem, é preciso pensar primeiro em como proteger os dados em servidores locais, além de controlar e gerenciar seu acesso.

New call-to-action

Algumas dicas para proteger os dados podem ser de grande ajuda. Aqui estão 5 dicas de proteção de privacidade de dados para ajudá-lo a lidar com a questão da privacidade na Nuvem:

1. Cuidado com informações confidenciais na nuvem

Nem todas os dados da empresa precisam estar na Nuvem. É arriscado manter todas as informações importante em um só lugar. Evite o armazenamento única e exclusivamente em Nuvem, pois se um problema acontecer, podem acarretar em perdas irreversíveis. Se você puder escolher, opte por manter suas informações cruciais longe do mundo virtual ou usar soluções apropriadas.

2. Leia o contrato do usuário

Se você não tiver certeza sobre qual armazenamento em nuvem escolher ou se tiver alguma dúvida sobre como esse ou outro serviço, leia o contrato de usuário do serviço para o qual você pretende se inscrever. Não há dúvida de que é difícil e chato, mas você precisa enfrentar esse texto. O documento pode conter informações essenciais que podem te ajudar.

3. Seja mais criterioso com as senhas

Você deve ter ouvido este aviso centenas de vezes, mas a maioria das pessoas não o segue. Você sabia que 90% de todas as senhas podem ser quebradas em segundos? Na verdade, uma grande parte de todas as histórias tristes sobre a quebra da conta de alguém é causada por uma senha fácil de criar e lembrar.

Além disso, dobrar sua senha de e-mail para outros serviços que você usa (sua conta do Facebook, sua conta de armazenamento na nuvem) é uma armadilha real, pois todas as suas informações de login e senhas esquecidas sempre chegam ao seu e-mail.

Aqui está um método eficiente de criar uma senha segura: Escolha uma palavra aleatória (de preferência longa) - por exemplo, "comunicação". Supondo que você está se inscrevendo no Skype. O que você deve fazer é adicionar uma palavra Skype à palavra escolhida. Assim, sua senha "communicacaoSkype", por exemplo.

Você pode inventar qualquer outra maneira de memorizar suas senhas, aquela que agrada a você. Mas o ponto principal não muda - esse método é realmente simples e eficaz.

4. Mantenha os recursos de segurança atualizados

Uma conexão segura não protege você totalmente caso seu computador ou dispositivo móvel tenha sido comprometido por um vírus. Por isso, é importante manter seus recursos de segurança atualizados. Use as versões mais recentes do seu sistema operacional e aplicativos para garantir que você esteja protegido pelas atualizações de segurança mais recentes. Selecione um bom programa antivírus e mantenha-o atualizado para defender seu dispositivo contra ameaças.

5. Faça criptografia

A criptografia é, até agora, a melhor maneira de proteger seus dados. A maneira mais fácil e prática é compactar arquivos e criptografá-los com uma senha. Para esse fim, você pode usar uma ferramenta de compactação.

Ao criar o arquivo, marque a opção "Proteger com uma senha", digite a senha e somente depois disso, você poderá movê-la para a Nuvem. Se você quiser compartilhá-lo com alguém, basta dar a senha a essa pessoa.


Posts relacionados

7 estratégias para escolher corretamente um fornecedor de Cloud Computing

Existem algumas práticas importantes a serem seguidas para manter seus dados e sua empresa protegidos contra danos.

4 erros na migração de dados que as empresas devem evitar

Esse processo traz muitas vantagens para os negócios, no entanto, quando realizado de forma inadequada, pode gerar grandes prejuízos.

Cloud Computing e Internet das Coisas: qual a relação dessas tecnologias?

Quando trabalhadas juntas, essas duas tendências são capazes de aprimorar os processos corporativos e auxiliar no crescimento dos negócios.

Escreva seu comentário