<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL SYNNEX WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Como o outsourcing de TI pode ajudar em tempos de COVID-19?

Entenda como esse modelo de serviço pode contribuir para a saúde financeira das empresas diante de crises.


A pandemia do novo coronavírus tem gerado impactos muito significativos e em grandes proporções para a economia global. Devido a isso, empresas têm precisado agir rapidamente e de forma estratégica para conseguir se manter ativa nos negócios. 

Grande parte das empresas que estão conseguindo sobreviver a esse momento já perceberam a importância vital que a tecnologia tem representado para garantir a continuidade dos negócios. Por meio dela, é possível implementar novos modelos de trabalho, como a viabilização do home office.

Além disso, com a ajuda da TI, as empresas conseguem otimizar processos, garantir a proteção dos dados corporativos, permitir uma melhor previsão de tendências por meio de análises, tornar a tomada de decisões mais inteligente e precisa, enfim, inovar como um todo para se adaptar a realidade atual.

No entanto, junto a crescente importância que a tecnologia ocupou nas empresas, foi escancarado a carência tecnológica que muitos empreendimentos ainda enfrentam.

Então como conseguir aproveitar a tecnologia para sobreviver a crise da COVID-19 mesmo sem possuir os recursos e profissionais certos dentro da organização? A resposta para essa pergunta é simples: por meio do outsourcing de TI.

O outsourcing de TI é capaz de ajudar empresas em tempos de COVID-19. Por meio dele é possível eliminar as rotinas de trabalho de TI de dentro da empresa para que os funcionários possam se focar no core business e trabalhar de forma estratégica nesse momento. 

Fortaleça o poder de colaboração

Quer saber todos os benefícios do outsourcing de TI em tempos de COVID-19? Continue a leitura deste post!

O que é outsourcing de TI?

Outsourcing de TI é um termo utilizado para representar a terceirização da gestão e controle dos sistemas relacionados à tecnologia de informação de uma empresa. Por meio dele, não é necessário manter uma equipe de TI interna para monitorar e prever falhas nos sistemas, todo esse trabalho é realizado pela organização fornecedora do serviço.

Ao investir em outsourcing de TI, as empresas passam a ter maior flexibilidade de processos e podem contar com profissionais qualificados e os recursos necessários para atender a todas as suas demandas sem altos gastos.

Em meio a crise do mercado atual, é fundamental que as empresas se tornem mais competitivas e sejam capazes de modernizar suas infraestruturas. Isso exige que elas adotem as soluções tecnológicas certas para otimizar a gestão dos negócios.

Como o outsourcing de TI pode ajudar em tempos de COVID-19?

A retomada da atividade econômica no pós-pandemia não será uma tarefa fácil para as empresas. Por isso, a redução de custos será fundamental e o outsourcing pode ser um aliado crucial nessa tarefa. 

Quando uma empresa investe no outsourcing de TI, ela pode apostar na utilização da tecnologia para alcançar mais resultados e sem correr riscos. Esse modelo de serviço pode ajudar de diferentes formas para a realidade atual, tais como:

  • Redução de custos: a empresa não precisará investir em equipamentos e profissionais, nem em infraestruturas, hardwares e softwares caros.
  • Maior flexibilidade: é possível fazer qualquer adaptação necessária na infraestrutura de TI utilizada, basta solicitar ao fornecedor do serviço;
  • Atualizações constantes: a equipe do provedor irá manter tudo atualizado e funcionando corretamente, sem tornar a infraestrutura vulnerável a ciberameaças;
  • Maior eficiência, agilidade e qualidade: o outsourcing fornece soluções ágeis e eficientes que se adequem à realidade da empresa, o que permite que problemas sejam resolvidos em tempo real, aprimorando a qualidade do empreendimento de modo geral;
  • Suporte ativo: é possível contar com suporte técnico a qualquer momento, evitando períodos de indisponibilidade e prejuízos.

Ao proporcionar a redução de gastos devido a todas as suas vantagens, ele é capaz de, ao mesmo tempo, contribuir com o oferecimento de produtos e serviços otimizados e competitivos para melhorar a experiência das empresas e garantir a satisfação dos clientes. 

Essa diminuição das despesas é possível com o outsourcing de TI, pois ele contribui para tornar a organização mais enxuta, permitindo que ela se concentre em suas atividades principais. 

Além disso, tornar muitos processos mais ágeis, estratégicos e modernos, o que impulsiona a rápida renovação e atualização dos equipamentos utilizados. Tudo em sintonia com um processo de transformação digital. 

Desse modo, ao investir nessa modalidade, as empresas conseguem desenvolver melhor suas estratégias e ações para superar a crise. E, no contexto de pós-coronavírus, contar com uma estrutura enxuta e ágil será mais importante no do que nunca. 

Como você pôde ver, o outsourcing de TI em tempos de crise pela COVID-19 poderá ser um o fator decisivo para a digitalização e automação de processos de trabalho de diversas empresas e, consequentemente, garantir a sobrevivência delas no mercado. Portanto, é fundamental que seus clientes invistam cada vez mais nessa modalidade para enfrentar os desafios do momento atual.

Posts relacionados

3 KPIs que não fazem mais sentido para a TI e 2 indicadores essenciais

Muitos indicadores tradicionais não são mais relevantes. Ajustes serão necessários para reforçar o valor comercial da TI na era digital.

6 dicas para lidar com um orçamento de TI limitado

Quando as metas são desafiadas pelo orçamento, alocar os recursos disponíveis de maneira inteligente e criativa deve ser medida prioritária. 

4 dicas para montar um contrato de prestação de serviços de TI sem erros

Estabelecer um contrato bem estruturado é fundamental para que sua revenda evite possíveis problemas legais e prejuízos, além de melhorar o relacionamento com os clientes.

Escreva seu comentário