<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Como a virtualização pode resolver problemas de migração para Nuvem?

As empresas adotam cada vez mais estratégias Multicloud, precisando lidar com diferentes fornecedores ao mesmo tempo. Saiba como uma abordagem virtualizada pode ajudar.



A Cloud Computing já é amplamente utilizada pela maioria das empresas devido a suas diversas vantagens. Essa abordagem proporciona redução de custos, segurança, agilidade e é capaz de se ajustar dinamicamente às necessidades de processamento e armazenamento de cada empreendimento de forma simples e segura.

A sua grande adesão pelo mercado, no entanto, tem gerado uma série de desafios para as equipes de TI. O fato de muitas organizações utilizarem mais de um modelo desse serviço, como nuvens públicas e privadas ao mesmo tempo, acaba dificultando o trabalho da TI de gerenciar todas as abordagens de maneira holística e simplificada.

É por isso que, para ter sucesso na migração de seus ativos para a Nuvem, muitas empresas estão em busca de tecnologias inteligentes, como a virtualização, para contornar os desafios desse processo.

A virtualização que nada mais é do que a capacidade de isolar os sistemas e aplicações de hardware, o que permite que qualquer sistema possa ser executado sem restrições, pode dar ainda mais poder às aplicações hospedadas em Cloud.

Quer saber como a virtualização pode ajudar a resolver os problemas da migração para a Nuvem? Confira o conteúdo a seguir!

Os principais desafios após a migração para a Nuvem

A Computação em Nuvem proporciona muitas vantagens para as empresas. Entretanto, o processo de migração apresenta alguns desafios que precisam ser superados para que as organizações tenham os resultados esperados.

A maioria delas utiliza arquiteturas monolíticas que não são adequadas para usufruir todos os benefícios da Cloud. Isso acaba criando a necessidade de se investir em serviços caros e pode atrasar o processo de inovação da organização.

Além disso, as empresas precisam lidar com períodos de inatividade e, na maioria das vezes, excedem seus orçamentos com esses gastos. Por isso realizam a migração de várias máquinas virtuais para a Nuvem pública sem nenhum preparo, o que pode acarretar em criação de infraestruturas complexas.

Outro ponto que sobrecarrega a equipe de TI é a necessidade de adquirir novos conhecimentos e habilidades, o que aumenta suas responsabilidades. Muitos dos serviços disponíveis para consumo em Cloud Computing exigirão o aprendizado de novas linguagens de codificação.

Embora a Nuvem transfira muitas responsabilidades das operações para o fornecedor, as equipes de TI ainda precisam estar preparadas para diversas tarefas. O provedor da Cloud pública, por exemplo, garantirá a entrega apenas dos níveis de serviço acordados em contrato. Isso significa que, se as políticas de controle não forem mantida pelo cliente, poderá não haver recurso no caso de uma interrupção.

A segurança na Nuvem também é um desafio para a TI. A Cloud pública é um ambiente aberto e acessível - basta que os usuários tenham um dispositivo conectado a internet para acessá-la.

O aumento de dados armazenados nesse modelo e de dispositivos conectados tem contribuído para que a superfície de ataque também cresça. O problema é que as abordagens de segurança utilizadas atualmente pelas empresas não são efetivas para esses ambientes.

Isso significa que as organizações devem implementar novas políticas para estar em conformidade e garantir a segurança de suas informações e sistemas.

Desse modo, como você pôde perceber, ainda que proporcione muitas melhorias para os negócios, a migração para Cloud Computing ainda alguns problemas que precisam ser resolvidos pelas empresas.

Conheça o K•NOW!

Como a virtualização pode resolver problemas de migração para Nuvem?

É neste contexto que a virtualização pode surgir como aliada na resolução de problemas da migração para a Nuvem. Essa tendência consiste em uma tecnologia capaz de criar uma representação virtual com base em software de diferentes aplicações, como servidores, redes, armazenamento, etc.

Ela é utilizada para aumentar a agilidade e flexibilidade de TI e proporciona diversos benefícios, como redução de custos operacionais e do tempo de inatividade, aumento da produtividade, eficiência, agilidade e capacidade de resposta.

A partir de suas funcionalidades, a virtualização pode ser um caminho mais simples para o sucesso da migração para o universo multicloud adotado pelas empresas. Ela é capaz de auxiliar a TI a trazer as melhores práticas da Nuvem pública para o ambiente corporativo.

O Data Center Definido por Software (SDDC), que consiste na virtualização de todos os componentes do DC - computação, armazenamento, rede e segurança - é capaz de liberar os negócios da infraestrutura subjacente. Assim, pode contribuir diretamente para a estratégia de Cloud utilizada.

As práticas recomendadas para o SDDC podem ser aplicadas também aos ambientes em Nuvem. Desse modo, os desenvolvedores podem continuar usando as habilidades que estão acostumados e não precisam executar tantas tarefas operacionais.

Graças a virtualização, as operações diárias da TI podem ser simplificadas, pois ela oferece um painel de controle único para realizar o monitoramento dos vários ambientes. Isso cria maior transparência para todos os ativos, independente de onde estejam armazenados, o que permite operações mais eficientes.

Dessa forma, em vez de promover verdadeiras transformações internas para acompanhar às mudanças introduzidas pelos fornecedores e se adaptar a diferentes provedores de serviços em Nuvem, é possível adotar uma abordagem híbrida consistente com a virtualização.

A partir disso, as empresas poderão criar uma plataforma Multicloud rápida e sustentável, capaz de controlar todos os recursos de computação em Nuvem utilizados pela organização.

Posts relacionados

5 motivos que fazem a migração para nuvem falhar e como evitar

As empresas estão migrando mais aplicativos do que nunca para a Nuvem, mas muitas dessas iniciativas falham. Aprenda a evitar cometer erros.

4 recursos críticos para controlar a segurança na Nuvem

A estratégia das organizações expande cada vez mais a distribuição de várias cargas de trabalho em várias Nuvens.

3 coisas sobre Cloud Computing e IoT que toda empresa deve considerar

Para armazenar e utilizar informações é necessário uma rede que permita que esses dados sejam sincronizados em tempo real.

Escreva seu comentário