<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Cloud Computing e Internet das Coisas: qual a relação dessas tecnologias?

Quando trabalhadas juntas, essas duas tendências são capazes de aprimorar os processos corporativos e auxiliar no crescimento dos negócios.

 

Cloud Computing é uma tecnologia que transformou a forma como as empresas trabalham e até gerenciam seus negócios. Ela tem gerado disruptura dos ambientes de TI, auxiliando as organizações a se adaptarem à Transformação Digital.

Enquanto isso a Internet das Coisas (IoT) foi introduzida no ambiente corporativo nos últimos anos e é capaz de conectar objetos e dispositivos e transmitir dados por meio de uma conexão com a internet. Ela também oferece grandes benefícios para as organizações, principalmente quando aliada a outras tecnologias, como a Nuvem.

Você sabe como a relação dessas duas tendências funciona? A integração entre Cloud Computing e Internet das Coisas pode contribuir diretamente para o crescimento de sua empresa. Quer saber como isso é possível? Continue a leitura desse post e descubra!

IoT e Computação em Nuvem

Esses dois conceitos parecem ser totalmente distintos, mas estão amplamente interligados. A Internet das Coisas viabiliza a comunicação entre objetos e Data Centers que utilizam infraestrutura em Nuvem para armazenar e gerenciar dados.

A IoT precisa de espaço e performance, requisitos que podem ser melhor atendidos por meio da Cloud. Assim, a organização pode contar com uma estrutura mais elástica e flexível para suportar as demandas de armazenamento e processamento, que aumentam cada vez mais devido aos novos fluxos de dados gerados pelos objetos conectados.

Essa união permite a utilização dos dados de forma eficaz e rentável, além de possibilitar o desenvolvimento de novos modelos de negócios, inovadores e mais eficientes.

Confira outras formas que a relação dessas tecnologias pode contribuir para o sucesso dos negócios:

- Viabilidade financeira

Os inúmeros dados gerados e compartilhados pelos dispositivos conectados à rede corporativa precisam ser processados e armazenados. Por meio da Nuvem, não é necessário investir em hardwares mais robustos e caros.

Desse modo, as possibilidades de utilizar os dispositivos IoT são muito maiores, pois a empresa consegue aumentar ou diminuir a largura de banda e capacidade de processamento.

- Segurança

Quando os usuários mantêm todos os dados em seus dispositivos, as vulnerabilidades de segurança aumentam, pois a maioria dos aparelhos não possuem sistemas de proteção aprimorados.

Agora, quando IoT e Cloud trabalham juntas, a transmissão de dados entre os dispositivos e a Nuvem é realizada de forma segura e criptografada.

- Adaptabilidade

Ter a capacidade de se adaptar às novas realidades e demandas do mercado é essencial para qualquer empresa. Ao aliar Nuvem e IoT é possível adquirir essa característica rapidamente. Isso porque a Nuvem torna os dados acessíveis por meio de diferentes dispositivos, basta que haja uma conexão com a internet.

Assim, a organização passa a ter sempre à disposição as melhores informações vindas dos dispositivos IoT para ser capaz de remodelar suas estratégias e tomar decisões mais adequadas à cada situação.

As possibilidades de utilizar Cloud Computing e Internet das Coisas de forma integrada traz inúmeras vantagens para os negócios. Essa união permite que as empresas ajam rapidamente em diferentes cenários, melhorem seus processos, produtividade e segurança. Assim, passam a estar preparadas para as constantes transformações do mercado.

Posts relacionados

7 estratégias para escolher corretamente um fornecedor de Cloud Computing

Existem algumas práticas importantes a serem seguidas para manter seus dados e sua empresa protegidos contra danos.

4 erros na migração de dados que as empresas devem evitar

Esse processo traz muitas vantagens para os negócios, no entanto, quando realizado de forma inadequada, pode gerar grandes prejuízos.

Por que o gerenciamento de Multicloud ainda é um desafio para empresas?

Ao usar vários provedores de nuvem, é possível que surjam alguns problemas.

Escreva seu comentário