<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

Aprenda como monitorar processos de TI

O monitoramento é importante para registrar o histórico de todos os processos e detectar falhas que ajudam a corrigir problemas.

 

Aprenda como monitorar processos de TI

 

O uso da tecnologia em prol do crescimento das empresas tem sido altamente eficaz na otimização de resultados. Principalmente quando se trata de aumento da produtividade, redução de custos e otimização de tarefas. Com um processo de TI bem construído, diminui consideravelmente o índice de erros e melhora o desempenho.

Como o aumento do volume de dispositivos e aplicações que usam os recursos de TI só tem crescido de uma forma difícil de controlar — e de forma desproporcional aos recursos de rede disponíveis — acabam acontecendo muitos gargalos.

Dessa forma, acompanhar cada etapa das atividades operacionais da empresa — por meio de um monitoramento no processo de TI — passa a ser prioridade. Veja como implementar monitoramento de forma eficiente para garantir mais estabilidade.


Estabeleça métricas

Ao pensar em fazer o planejamento do monitoramento de TI, as métricas devem ser o primeiro passo. Elas não devem se limitar somente a parte técnica, tendo em vista que os processos são complexos e vão além da infraestrutura.

Quando as métricas são classificadas, elas conferem análises mais precisas. Há dois tipos de métricas: a de recursos, usadas para realizar diagnósticos e investigar problemas; e a de sistema, que direciona sua atenção para desempenho (analisa carga de trabalho, performance, entre outros).


Liste ativos da infraestrutura de TI

Após estabelecer métricas, é importante fazer uma lista dos ativos que compõem uma estrutura de TI, como: hardwares (servidores, computadores, etc) e softwares (sistemas desenvolvidos ou comprados).

A partir daí, separe-os por criticidade e por serviços, e especifique algumas informações relevantes, como capacidade e disponibilidade.

 

Ebook Gratuito - 10 tecnologias que podem aumentar a produtividade da sua empresa - Baixar agora | Polycom

 


Engaje os funcionários

É importante que os gestores e colaboradores trabalhem em equipe para identificar falhas operacionais e lentidão no sistema. Para isso, um treinamento consegue munir a equipe de conhecimentos específicos das falhas que podem ocorrer.

Após essa operação, é importante relatar os problemas encontrados. O feedback é fundamental para que a equipe de TI possa trabalhar nas melhorias de forma ágil e assertiva.


Analise o desempenho

Gerar relatórios é uma etapa fundamental para o monitoramento de TI. Com eles é possível gerar as análises de forma automática por um período pré-determinado. Eles trazem todas as informações do desempenho.

Para os gestores, os dados dos relatórios servem para melhorar estratégias e propor soluções específicas para áreas que precisam de uma atenção maior e,
também, ajuda nas tomadas de decisões de forma mais precisa.


Tenha uma ferramenta de apoio

Para conseguir por essas dicas em prática e dar andamento nos processos, a melhor solução é contar com um software de monitoramento, que gerencia os recursos de TI. A maioria dessas soluções são consideradas pouco flexíveis e um tanto restritas. A opção por softwares Open Source se torna mais viável, tendo em vista a possibilidade de customizações disponíveis.

Com o software, grande parte das atividades do dia podem ser automatizadas, o que libera a chefia e os funcionários encarregados para tarefas que demandem mais estratégia ou gerenciamento. Para ajudar na implantação, é viável contar com um parceiro que auxilie na implantação e gestão dos serviços.

Um software de gestão atua proporcionando mais produtividade, melhorando o desempenho dos sistemas e, consequentemente, trazendo melhores resultados.


Crie um gerenciamento de configurações

Quando algum novo processo realiza alterações nas regras do firewall, um pequeno erro nessas mudanças pode bloquear uma aplicação crítica. Erros desse tipo podem atrasar o andamento do trabalho e ainda expor dados sigilosos, acarretando perda financeira para a empresa.

 

Por isso, gerenciar configurações é importante. As chances de ter sucesso em alterações são bem maiores. É possível, também, monitorar o tipo de alteração que foi realizada e se isso poderá gerar um conflito, não permitindo que outros usuários não autorizados façam instalações na infraestrutura.

Além dessas dicas, é imprescindível documentar todos os processos dentro do TI. Nem tudo é relevante para documentar em todos os momentos, mas quando há registro, fica mais fácil acessar a informação a qualquer momento.


Após essas dicas, que tal incentivar o seu cliente a fazer o monitoramento de TI sua empresa?

 

Posts relacionados

5 dicas para reduzir custos em TI

Veja como automatizar processos, investir em equipamentos de qualidade e muitas outras ações podem ajudar a equilibrar o orçamento.

8 principais erros de outsourcing de TI para seus clientes evitarem

A capacidade de uma empresa de gerenciar e produzir uma equipe de desenvolvimento competente terá grandes implicações para seu sucesso ou fracasso.

Modernizando a TI: como o CIO pode agregar valor para os negócios?

Com uma visão geral de toda a empresa, fortes relações de TI e foco no valor, os CIOs podem expandir seus horizontes.

Escreva seu comentário