<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Markeplace
  • Free Trial SEP Cloud - Alta proteção de endpoints com uma solução intuitiva. Ofereça já para seus clientes.
  • Partner Portal
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • _banner-home-mobile_-symantec-sep-cloud.png

6 erros fatais de TI que podem comprometer os negócios

Postado por Equipe Westcon em 14/fev/2018 5:00:00

Muitas empresas continuam cometendo diversos erros relacionados a esse setor por não entenderem a gravidade de algumas situações.

 

6 erros fatais de TI que podem comprometer os negócios

 

 

 

A TI é capaz de ajudar as empresas a reduzirem gastos, diminuir o desperdício de recursos, aumentar a produtividade dos funcionários e otimizar processos, entre outros benefícios que passaram a ser estratégicos para se manter competitivo no mercado atual. Os serviços de TI se tornaram essenciais para a tomada de decisões dos negócios e para o bom funcionamento de todos os setores de uma corporação.

No entanto, diversos erros podem ser cometidos quando uma empresa ignora um bom planejamento e não conta com uma equipe de TI devidamente preparada para gerenciar os serviços.

Muitos prejuízos podem afetar a rotina da empresa, desde problemas que afetam as atividades dos colaboradores e a entrega de produtos e serviços, como falhas na comunicação interna e no atendimento aos clientes, podendo até causar a perda de oportunidades de novos negócios.

Por isso, o bom funcionamento dos serviços de TI é importante não apenas para manutenção das atividades suportadas por esse setor, mas também para que as empresas contem com diferenciais competitivos importantes para estarem à frente de seus concorrentes.

Realizar o alinhamento da TI com as estratégias de negócios possibilita ainda que as organizações consigam alcançar mais facilmente suas metas e objetivos, além de implementar inovações de forma mais fácil e, assim, alcançar melhores resultados.

Portanto, para que seus clientes consigam aproveitar todas as oportunidades e benefícios proporcionados pelos serviços de TI, separamos os principais erros do setor cometidos por muitas empresas e que devem ser evitados. Confira:

1 - Falta de planejamento

Antes de iniciar qualquer projeto, é necessário estabelecer a metodologia que irá ser seguida, quais são os itens necessários, como será o desenvolvimento e implementação e definir quais profissionais serão responsáveis por cada tarefa, além de estipular prazos e metas.

Muitas vezes, empresas não enxergam a importância de um bom planejamento e começam processos sem estabelecer nenhum destes parâmetros. Isso acaba fazendo com que eles andem em círculos e não consigam alcançar os benefícios esperados.

2 - Não realizar as atualizações necessárias

Atualizar softwares e sistemas operacionais é uma tarefa essencial para todas as empresas, pois permite a implantação de inovações e corrige falhas e brechas que podem ser exploradas por cibercriminoso.

O ambiente corporativo, em que há inúmeros equipamentos em funcionamento, com softwares que são usados nos processos e tarefas da maioria dos funcionários, exige uma rotina de atualizações periódicas.

Portanto, para que sejam feitas no tempo certo, é necessário estabelecer um cronograma de verificação e acompanhar sites dos fornecedores das soluções para ser informado sempre que houver uma atualização nova. Além disso, é necessário programar atualizações automáticas no sistema.

Treinamentos Westcon

 

 

3 - Falta de envolvimento dos usuários

Todo projeto realizado pela TI na empresa deve atender às expectativas dos usuários, pois serão eles que irão utilizar as soluções e ferramentas implementadas, as quais devem ser capazes de otimizar e facilitar seu trabalho.

Muitas vezes, a TI se esquece de envolver as equipes dos outros departamentos em seus projetos, o que acaba gerando diversos retrabalhos posteriores. Portanto, o ideal é que, antes de se iniciar um projeto, ela busque entender as necessidades dos usuários às quais suas ferramentas devem ser adequadas.

4 - Não controlar os acessos aos dados corporativos

Os ciberataques têm feito cada vez mais vítimas no mundo todo e seu principal alvo são empresas. Portanto, a segurança em TI deve ser um dos principais processos a ser desenvolvido.

Para evitar que essas ameaças invadam à rede corporativa, a TI precisa criar critérios e regras para determinar níveis de concessão de acesso aos dados corporativos. Assim, cada usuário terá um tipo de permissão, de acordo com seu cargo na empresa, e apenas pessoas autorizadas conseguirão obter informações críticas e sigilosas.

Além disso, para corporações com grande número de funcionários, é preciso implementar sistemas de monitoramento de acessos. Dessa forma, é possível acompanhar o que cada usuário faz com sua permissão.

5 - Não realizar manutenção preventiva

Corrigir um problema após já ter acontecido e prejudicado algum setor dentro da empresa é uma prática muito comum. No entanto, ela pode acarretar sérios prejuízos para os negócios e deve ser evitada.

Uma equipe de TI bem preparada trabalha com um modelo de manutenção preventiva, criando rotinas de monitoramento e manutenção para que seja possível rastrear e detectar qualquer falha rapidamente, antes mesmo que ela afete o sistema.

Dessa forma, a empresa passa a ter uma visão mais ampla do funcionamento de todo o seu sistema e ativos digitais, conseguindo corrigir erros e implementar melhorias quando necessário.

6 - Não apostar em tendências tecnológicas

Muitas vezes, ao tentar cortar gastos, as corporações deixam de investir em inovações tecnológicas, acreditando que possuem o necessário para que seus serviços de TI funcionem.

No entanto, o mercado está se transformando e novas tecnologias, mais modernas e potentes, estão surgindo e possibilitando que as empresas transformem seus modelos tradicionais de negócios em inovadores.

Além disso, investir em tecnologias de ponta é uma forma de economizar, pois ajuda na redução de processos e otimização de tarefas, aumentando a produtividade da equipe e, assim, melhorando as entregas aos clientes.

Evitar que esses tipos de erros aconteçam é essencial para que todos os sistemas e procedimentos funcionem da melhor forma possível. Ao evitar e corrigir os contratempos que podem prejudicar a infraestrutura de TI, passa a ser possível fortalecer os processos de todos os setores da empresa, o que irá refletir diretamente na melhora do desempenho corporativo e na maximização dos resultados.

 

Categoria(s): Tecnologia da Informação, Recuperação de Desastres