<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL SYNNEX WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

4 passos para ter sucesso no gerenciamento de Hybrid Cloud

Realizar a gestão de diversos serviços em Nuvem ao mesmo tempo é desafiador. Entenda como fazer isso de forma bem-sucedida.

Quem utiliza a computação em nuvem já deve ter aproveitado alguma espécie de Hybrid Cloud para realizar atividades. Até pouco tempo atrás, isso queria dizer que você precisava emparelhar uma nuvem pública e uma privada. No entanto, hoje em dia, quando se fala no assunto, usualmente se quer fazer referência a uma nuvem privada que tem interface com duas ou mais nuvens públicas e demais combinações entre si.

Com o passar do tempo e a evolução da tecnologia, as empresas procuram descobrir melhores técnicas de gestão e segurança, mas está cada vez mais evidente que não é possível uma única ferramenta ou técnica resolver todos os problemas. 

Sendo assim, caso uma companhia tenha uma ou mais nuvens híbridas, o que será necessário fazer com relação ao gerenciamento desta(s)? Entenda a seguir um pouco mais sobre o gerenciamento bem-sucedido desse tipo muito utilizado de cloud. Isso pode fazer uma grande diferença nas suas vendas!

4 passos para ter sucesso no gerenciamento de Hybrid Cloud

Engana-se quem pensa que é necessário apenas decidir as ferramentas e a tecnologia que serão utilizadas. Grande parte dos gestores de TI acha que encontrar ferramentas para reduzir a dificuldade de gerenciar a nuvem híbrida irá resolver tudo, mas o ideal é que eles realmente entendam os seus próprios requisitos.

Isso significa que eles precisam compreender o essencial sobre como os dados, a dinâmica do usuário e a segurança afetam o modo como o gerenciamento da nuvem será realizado. 

Veja agora alguns passos muito importantes para garantir o sucesso dessa gestão:

Fortaleça o poder de colaboração

1- Aprimore a segurança e o controle

Esses itens são básicos para qualquer gerenciamento. Você precisa saber gerenciar a segurança de uma forma proativa para que ela funcione sem problemas. 

Estimular o uso de novos mecanismos que possibilitam a atribuição de identidades, servidores, dispositivos e pessoas que possam ou não acessar a nuvem híbrida, assim como especificar o que eles podem acessar, é muito importante.

Existem dois tópicos que precisam ser destacados: segurança e desempenho e gestão de políticas. O primeiro diz respeito a que tipo de criptografia usar para as informações (se em repouso ou em trânsito), pois ele pode afetar o desempenho geral.

Com relação à gestão de políticas, é necessário que tudo seja escrito e aplicado de forma clara para que seja entendido por quem está gerenciando a nuvem híbrida. Dessa forma não haverá problemas de comunicação e a produtividade irá aumentar.

2- Compreenda o que está sendo gerenciado

Pode ser óbvio que você tenha que compreender o que está sendo gerenciado. Contudo, muitos profissionais acabam tomando decisões pouco estratégicas com relação ao gerenciamento porque não entendem os perfis dos workloads executados nas nuvens privadas e nas nuvens públicas. 

É necessário compreender o que exatamente esses aplicativos estão fazendo, como eles gerenciam os dados, como lidam com redes, quais são seus padrões de segurança, como interagem com os usuários finais, entre outros fatores.

Para você ajudar seus clientes nessa tarefa, veja alguns exemplos de perguntas que precisam ser respondidas antes do início do gerenciamento da Hybrid Cloud: 

  • Para onde os workloads vão? 
  • O que os workloads representam para os negócios? 
  • Quando os workloads são ativos? 
  • Quem precisa ser contatado quando houver algum problema? 
  • Por que tais decisões foram tomadas com relação ao workload?

3- Entenda as ferramentas

Um erro comum dos responsáveis pelo gerenciamento é focar todo o seu trabalho nas ferramentas disponíveis. Existem muitas que abrangem áreas diversas, como o gerenciamento de recursos, o gerenciamento de DevOps, o gerenciamento de segurança, o gerenciamento de desempenho, o gerenciamento de rede, o gerenciamento de APIs, entre vários outros.

Talvez você precise de muitas delas para gerenciar uma nuvem híbrida corretamente. Para decidir quais usar, é necessário compreender os padrões de requisitos e depois descobrir os padrões de soluções que fazem sentido em cada situação.

Sendo assim, o ideal é primeiro lidar com os requisitos, depois estabelecer os padrões comuns e por fim combinar as ferramentas com esse padrão encontrado. Pode ser que não se descubram as ferramentas perfeitas para cada padrão, mas ainda assim é possível usar as que sejam personalizadas.

4- Use uma única interface

Para evitar problemas com a complexidade de ter que lidar tanto com nuvens públicas quanto com nuvens privadas que vêm com suas próprias particularidades, o mais indicado é que o gestor, em vez de aprender todas as interfaces específicas, prefira criar uma única interface.

É possível fazer isso através de alguns softwares que permitem o gerenciamento da Hybrid Cloud por uma interface apenas. Assim, o trabalho fica mais dinâmico e a produtividade aumenta.

Não deixe de lembrar aos seus clientes o quanto é importante considerar todos esses elementos quando eles estiverem gerenciando a Cloud híbrida. É uma atividade que exige muito detalhe, cuidado e responsabilidade.

 

Posts relacionados

Cloud Computing e coronavírus: quais as tendências para o futuro?

O distanciamento social trouxe impactos que também atingiram o universo virtual, remodelando o mercado de computação em nuvem e a definição do “novo normal”.

Software como serviço: 6 desafios do modelo SaaS para a TI

À medida que as empresas migram para a nuvem, desafios característicos podem surgir e a TI precisa estar preparada.

Quais os desafios e impactos da Edge Computing para as empresas?

Dominar Edge Computing é essencial para assegurar o bom funcionamento do tráfego na nuvem e otimizar o funcionamento do negócio na era digital, por isso a TI deve estar preparada.

Escreva seu comentário