<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

4 passos para economizar com o Data Center

Para investir nessa infraestrutura sem perder a eficiência, é necessário tomar algumas medidas para reduzir os custos com o ambiente.

 

4 passos para economizar com o Data Center

 

 

Hospedar a infraestrutura de servidores corporativos em um Data Center é algo que traz muitos benefícios para as empresas. Por meio dele, as empresas podem realizar seus processos e ações quase que exclusivamente no meio digital, contando com alta qualidade e rapidez.

As vantagens do Data Center tornaram-se grandes diferenciais para as empresas que querem passar pela Transformação Digital e sobreviver ao mercado digital atual.

São por motivos como esses que, cada vez mais, as corporações estão migrando suas infraestruturas, físicas ou na Nuvem, para Data Centers ao invés de hospedá-las como antigamente.

No entanto, os investimentos iniciais ao adotar essa tecnologia podem ser grandes, por isso, as empresas buscam por formas de economizar para reduzir o impacto nos negócios.

Além disso, em uma economia em constante instabilidade, vale a pena saber como aumentar a eficiência do Data Center corporativo e, ao mesmo tempo, poder economizar.

Por isso, preparamos este conteúdo explicando quais são as principais formas de se economizar com um Data Center. Acompanhe!


4 formas de economizar com o Data Center


1. Economia de energia elétrica

Quando a empresa implementa um Data Center local os seus gastos com energia irão subir consideravelmente. Portanto, é necessário encontrar formas estratégicas para reduzir seu consumo de eletricidade.

Para que isso seja possível, algumas medidas devem ser tomadas, como:

  • Otimizar a refrigeração do Data Center por meio de equipamentos de ar condicionado econômicos para mantê-lo na temperatura adequada. Ao estar a uma temperatura de 23ºC os custos com energia elétrica podem ser reduzidos sem danificar os aparelhos;
  • Substituir equipamentos antigos por modernos, com maior autonomia de energia. É importante realizar uma avaliação de todas as máquinas da empresa para identificar quais consomem mais energia para trocá-las;
  • Adotar sistemas mais ágeis e modernos para o gerenciamento que permitam a realização de um monitoramento do local e a escolha do nível de alimentação de energia dos racks;
  • Reorganizar os caminhos de circulação do ar para o local ficar mais refrigerado. No inverno, ainda é possível reduzir a capacidade e contar com o auxílio do ar frio externo.

2. Virtualização do Data Center

Novas tecnologias surgiram, permitindo que a as empresas pudessem utilizar o Data Center definido por Software (SDDC), o qual conta com funções como automação, uso da TI como serviço e a virtualização.

A virtualização é muito eficiente na questão de economia, pois, é capaz de criar centros de dados virtuais dentro do próprio Data Center, ou seja, implementar servidores de processamento ou de armazenamento dentro do mesmo servidor físico.

Assim, a empresa consegue ter um melhor aproveitamento de seus recursos, tanto do hardware quanto do espaço do Data Center. Isso permite uma melhora na eficiência dos equipamentos e no gerenciamento, além de aumentar a flexibilidade, escalabilidade e economia de energia.

 

Bai


3. Renegociação de contratos

Ao implementar um Data Center, as empresas precisam rever seus contratos com provedores de tecnologia. Para isso, a equipe de TI deve se alinhar ao setor financeiro para que contratos como de softwares, hardwares e suporte sejam reavaliados.

Desse modo, a empresa pode tentar negociar melhores condições com os fornecedores para minimizar custos, encerrar contratos que não são mais necessários e buscar melhores formas de pagamento.

Por meio do Data Center virtual, por exemplo, é possível contratar sob demanda, assim, a organização gasta apenas com o que utilizar.


4. Capacitação da equipe interna

Muitas empresas implementam seu Data center interno sem possuir colaboradores especializados para cuidar das operações, manutenção e suporte. Por isso, acabam precisando contratar profissionais terceirizados para executar todas as tarefas. Mas isso pode consumir grande parte do orçamento disponível.

Devido a isso, a empresa deve optar por investir na atualização e qualificação de sua equipe para que todo o trabalho seja realizado internamente. O ideal é que a equipe de TI saiba gerenciar a infraestrutura, evitando diversas contratações externas.

Ao gerenciar corretamente a infraestrutura do Data Center, as empresas podem aproveitar seus inúmeros benefícios para os negócios. Com economia, torna-se mais fácil iniciar novos investimentos e projetos para otimizar o desempenho da organização. Portanto, é importante sempre buscar novas formas de reduzir gastos.
v

 

Posts relacionados

Como promover a segurança do Data Center?

A chegada da era digital exige que as empresas disponibilizem infraestruturas robustas e totalmente disponíveis para seus usuários. Mas para isso, é crucial garantir a proteção de seus centros de dados.

4 fatores decisivos ao escolher o melhor Data Center para os negócios

A melhor infraestrutura pode variar de empresa para empresa, no entanto alguns requisitos são cruciais para que as organizações consigam atender a todas as suas demandas.

Como a tecnologia 5G irá transformar o Data Center?

A conectividade 5G introduz a ideia da metodologia “muitos para um” no que se refere à conectividade sem fio.

Escreva seu comentário