<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1159528794088341&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL WESTCON
Toda informação da tecnologia está aqui.

10 considerações ao escolher uma solução MDM

Há diversos fornecedores de soluções de gerenciamento móvel no mercado. Porém, nem todas as opções podem ser adequadas a seu negócio. Saiba o que levar em conta na hora de se decidir.

 

10 considerações ao escolher uma solução MDM

 

A utilização de dispositivos móveis no ambiente de trabalho, tanto pessoal quanto de propriedade da empresa, já é uma prática muito comum, mas ainda exige muitos cuidados do departamento de TI, responsável por gerenciar os serviços para uma boa experiência do usuário e para que não haja nenhum risco à segurança da rede corporativa.

O BYOD (Bring Your Own Device) não é mais um privilégio das grandes empresas, as pequenas e médias corporações, de todos os setores, também estão implementando essa prática. Por isso, tornou-se fundamental encontrar soluções adequadas, que sejam capazes de gerenciar todos os dispositivos móveis utilizados.

Devido à popularização dessa atividade, as soluções disponíveis no mercado crescem a cada dia mais. Há diversos fornecedores e aplicações oferecendo recursos diferentes, o que acaba causando contratempos para os gestores de tecnologia e segurança, pois eles precisam identificar quais ferramentas oferecem os maiores benefícios à produtividade e conseguem amenizar os riscos de violação da rede.

Portanto, como saber qual a melhor opção para a empresa de seu cliente?
Soluções MDM (Mobile Device Management) são focadas no controle dos dispositivos, como já explicamos no Blog. Seus recursos incluem gerenciamento da segurança, das configurações e políticas, além da integração com a rede corporativa e a execução de tarefas, como apagar dados remotamente, forçar atualizações de aplicativos, gerenciar downloads, bloquear aplicações não autorizada, entre outras capacidades.

No entanto, nem todas as soluções de gerenciamento móvel são iguais, além disso para cada empresa algumas funções são mais importantes do que outras. Por isso, é importante analisar algumas considerações antes de tomar uma decisão:

1 - Expectativas da empresa x seu conjunto de usuário móvel

Antes de observar as funcionalidades técnicas, é importante detectar quais são as expectativas da corporação com a prática BYOD e realizar um contraste com a realidade de usuários móveis que a empresa possui.

A solução MDM escolhida deve suportar as expectativas corporativas, ao mesmo tempo em que apoia os usuários. Para isso, ela requer políticas que regem o MDM dentro e fora da empresa, gerenciamento contínuo de relatórios, implementação de recursos que entreguem os resultados desejados para a empresa, mas sem que essas medidas dificultem o acesso dos usuários.

2 - Estratégia de mobilidade

Antes de investir em uma solução MDM é necessário planejar-se. Para identificar qual atenderá melhor a corporação, algumas perguntas devem ser respondidas, como: Qual a posição da empresa sobre BYOD? Os dispositivos utilizados serão de propriedade da empresa ou dos funcionários? Os aparelhos também poderão ser usados para atividades pessoais? Será permitido a transmissão de dados por meio deles? Entre outras. Apenas após definir uma estratégia, será possível encontrar a solução MDM adequada.

3 - Período de teste

Um período experimental é essencial para determinar qual a melhor solução para a organização. Assim, a equipe de TI irá verificar a implementação técnica e testá-la em alguns dispositivos. A fase piloto é o momento para se certificar de que a solução tem capacidade para gerenciar todos os aparelhos conectados.

4 - Número de dispositivos

Quantos usuários utilizarão esse serviço? Saber a quantidade de dispositivos é importante, pois apenas assim o departamento de TI poderá definir qual o melhor caminho para implementar o serviço. Por exemplo, caso uma organização utilize uma solução on-premise e possua mais de 300 dispositivos, poderá passar por problemas na capacidade, caso haja muitos acessos simultâneos.

5 - Governança de dados

A solução deve ter a capacidade de acessar dados de sistemas e arquiteturas híbridas, conseguindo gerenciar, atualizar e compartilhar em qualquer sistema ou aplicação instalada nos servidores ou nuvem. Além disso, deve oferecer flexibilidade no processo de governança usando fluxos de trabalho configuráveis e orquestração de processos de negócios. A solução deve permitir que os usuários consigam colaborar com os gestores de TI para acessar, gerenciar e compartilhar dados.

6 - Modelos de licenciamento

Após identificar o real cenário da companhia, é preciso definir onde a solução estará, ou seja, determinar se será vantajoso mantê-la on-premise ou na nuvem. Os modelos baseados na nuvem e em SaaS podem oferecer menores gastos e diversas vantagens em relação à infraestrutura e suporte, porém a empresa precisa estar preparada para lidar com as questões de segurança.

7 - Gerenciamento de segurança

Os recursos de segurança devem ser levados em conta na hora da decisão, eles devem conter criptografia e autenticação. Esses mecanismos desempenham um papel importante na solução MDM, por isso, devem ser capazes de interromper o acesso a qualquer momento de usuários que saem da empresa ou em casos de perda do dispositivo.

8 - Personalização

O produto padrão oferecido pelo fornecedor é adequado para a organização? É preciso checar todas as funcionalidades para saber se elas atendem a todas as exigências corporativas. Não são todos os fornecedores de MDM que permitem grandes customizações nas plataformas de gerenciamento.

9 - Distribuição de software

A distribuição de software fornece patches do sistema operacional, atualizações de antivírus e outros aplicativos padrões da plataforma MDM para os dispositivos móveis. Por isso, é preciso prestar atenção em quais recursos de gerenciamento e relatórios sobre a distribuição de software são oferecidos.

10 - Histórico de adoção

Finalmente, depois de identificar as soluções que melhor se adequam às necessidades do negócio, é importante procurar informações sobre o fornecedor e exemplos reais de adoção da solução por outras empresas.

Após levar em consideração todos esses fatores, a corporação estará preparada para escolher o melhor fornecedor que atenda a todos os requisitos necessários. Escolher uma solução de gerenciamento móvel, assim como qualquer outra aplicação, não é uma tarefa simples, por isso, quanto mais detalhado for o planejamento dessa implantação, maiores serão as chances da corporação aproveitar todos os benefícios do MDM.

 

A importância do gerenciamento e automação na virtualização do Data Center

Posts relacionados

Qual a importância da mobilidade corporativa para os negócios?

As empresas precisam adaptar suas estratégias para conseguirem se manter no mercado competitivo atual. Entenda como esse conceito é fundamental.

Como criar uma estratégia de chatbot de sucesso para os negócios?

A resposta parece simples e objetiva: escolha a tecnologia certa e comece aos poucos.

Melhores e piores práticas em gerenciamento de despesas móveis

Entenda como gerenciar suas despesas móveis e aprenda como práticas positivas e negativas podem afetar seu negócio

Escreva seu comentário